Acesse nosso site para saber das mais recentes noticias e informações da região - www.tvriachogrande.net - Para anunciar (11) 9945-4728/ (11) 7771-8810 ID: *125*109713- reinaldo@riachogrande.net

 
Desde Março de 2006 você é o visitante nº
Contador

460 anos de São Bernardo do Campo

 

Um pouco de história...

O município de São Bernardo do Campo nasceu na Borda do Campo, mesma região onde existiu a histórica "Villa" de Santo André da Borda do Campo (1550-1560). (Oficialmente São Bernardo do Campo reporta-se à chamada "Villa" de João Ramalho (1553) para comemorar seu aniversário de fundação, mas estudos revelam que o município tem origem bem mais recente, visto que o primitivo povoado sem deixar vestígios.)

 

No Dia em que São Bernardo completa 460 anos,

Prestamos nossas homenagens com muito Orgulho !

Sendo a região local de passagem para aqueles que do Planalto se dirigiam ao porto de Santos, em especial as "tropas" carregando mercadorias e que aqui faziam pouso, começa a se desenvolver na fazenda dos Monges Beneditinos, ao redor de uma capela por eles construída em 1717, um povoado, às margens dos Ribeirão dos Meninos, região do atual Bairro Rudge Ramos (no local onde hoje está instalado o Carrefour Vergueiro).

 

A Grandeza de Sã Bernardo se deve ao povo batalhador e progressista, que constrói a cada dia cidade de nossos sonhos.

Parabéns São Bernardo !

Pelos primitivos e novos caminhos, pelas velhas fazendas, registram-se a presença do português desbravador, do índio e do negro escravo.

 

Nossa homenagem a todos que com trabalho e dedicação, colaboram para o engrandecimento de nossa cidade.

Parabéns São Bernardo !

Tendo-se formado e crescido em terras particulares dos Beneditinos, o povoado não pôde ser oficializado, sendo por isso transferido para outro trecho do velho Caminho do Mar, onde está hoje a Igreja Matriz (Largo da Matriz, na rua Marechal Deodoro); esta transferência do povoado ocorreu em princípios do século XIX. Ali, em 1812, de subúrbio da Capital o povoado foi elevado à categoria de Freguesia.

 

Parabéns São Bernardo !

Amor e respeito por São Bernardo, sentimento unânime dos que vivem e trabalham neste local acolhedor.

Em 1877 é instalado, nas terras desapropriadas da fazenda dos Beneditinos, o Núcleo Colonial de São Bernardo, que vai dar nova vida a "Villa". Constituiu-se 15 linhas coloniais que posteriormente originaram os atuais bairros de São Bernardo do Campo.

 

Tivemos dias de glórias e também de obstáculos. Com fé em Deus conseguimos vencer ajudando a construir o progresso de nossa cidade .

Parabéns São Bernardo !

A presença do imigrante, majoritariamente italiano, é predominante nesse fim de século XIX e início do século XX, contribuindo para ampliar a miscigenação. O cultivo da terra é intensificado. Planta-se, colhe-se, fabrica-se, produz-se... Os campos vão sendo devastados, as matas derrubadas, as estradas alargadas, ruas corrigidas e calçadas, as vilas edificadas e casas construídas.

 

A Grandeza de Sã Bernardo se deve ao povo batalhador e progressista, que constrói a cada dia cidade de nossos sonhos.

Parabéns São Bernardo !

Ao final do século, por lei provincial de 12 de março de 1889, Freguesia foi elevada a Município, cuja instalação ocorreu em maio de 1890. O Município compreendia, então, praticamente todo o território do atual ABC.

O nome – São Bernardo – deve-se á denominação da fazenda dos Monges Beneditinos, onde havia uma capela dedicada ao Santo, ao redor da qual surgiu o primitivo povoado de 1717.

 

Com a exploração da madeira, as serrarias aparecem, registrando a tendência industrial da "Villa". Desenvolve-se a indústria moveleira ao lado da têxtil.

No século XX, com a construção da Represa Billings, alguns núcleos coloniais de imigrantes italianos, formados no século XIX, são atingidos por suas águas.

Os caminhos se proliferam, não só como passagem, mas como expansão do processo de urbanização. Os bairros vão se formando e desdobrando em pequenas vilas e novos bairros. O espaço do povoado se transforma na paisagem da Cidade.

Apesar do desenvolvimento da sede do Município (atual São Bernardo do Campo), o Bairro da Estação (Santo André), em razão da Estação de Ferro inaugurada em 1867, conhece um crescimento acelerado, com a implantação de várias indústrias. Assim, Santo André começa a se destacar econômica e politicamente, tornando-se, em 1938, a sede do Município.

O nome do município é mudado para Santo André e São Bernardo torna-se distrito.

Após muitas movimentações, em 1944 ocorre a emancipação político - administrativa de São Bernardo.

O designativo do Campo, aplicado a São Bernardo, surge com a instalação do atual município, em 1º de janeiro de 1945

São Bernardo, como uma cidade deve ser.

São Bernardo completa mais um aniversário, o bernardense é gente que, com seu trabalho diário, constrói a pujança da cidade. Muitos aqui nasceram, outros aqui chegaram e constituíram família. Por isso, não medem esforços quando se fala em solidariedade, em busca do bem-estar comum.

Do seu nascimento aos dias atuais, muita coisa mudou, e muita coisa ainda precisa ser mudada.

Houve grande movimentação nos últimos tempos e isso foi possível diante da de quem ama de verdade esta cidade. São Bernardo merece ser elevado à Estância Turística essa é a grande tacada para ampliar o progresso.

Havemos de perseguir a concretização das iniciativas que beneficiam os bernardenses e a cidade como um todo e a maior delas hoje talvez seja a elevação da cidade em Estância Turística.

Parabéns São Bernardo, você merece!
Confira a programação
Festa de aniversário de São Bernardo é comemorada com programação especial.

São Bernardo comemora, no dia 20 de agosto, o seu aniversário de 460 anos em grande estilo. Para festejar a data, a Prefeitura preparou uma programação especial e gratuita. Shows animarão a festa em palcos de variados estilos, de 17 a 20 de agosto, no espaço de eventos atrás do Ginásio Poliesportivo.

No dia 20, além das atrações culturais, também abrilhantam a festa desfile cívico-militar e missa pelos 460 anos. A partir das 8h será realizada uma procissão saindo do Paço Municipal até a Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem (Matriz), onde haverá a missa solene em honra ao padroeiro São Bernardo, presidida pelo bispo diocesano Dom Nelson Westrupp.

A partir das 10h, em frente à Igreja Matriz, acontecerá o desfile cívico-militar, que terá como tema o Centenário de Vinícius de Moraes. Nesta edição, o desfile reunirá alunos das escolas municipais, estaduais e particulares, integrantes de programas sociais e esportivos da cidade, grupos culturais, desbravadores, escoteiros, agentes de saúde e ONGs. Guardas Civis Municipais (GCM), policiais civis e militares também marcam presença no evento.

Também faz parte da programação, que acontece durante todo o mês de agosto e vai até 8 de setembro, 1ª Feira de Economia Solidária, a 13ª Copa São Bernardo Gateball, 7ª Copa de Hipismo, entre outras atrações. Confira a programação completa no site www.saobernardo.sp.gov.br.

Transporte e segurança - Para melhor atender os usuários de ônibus, a Empresa de Transporte Coletivo de São Bernardo do Campo (ETC) vai operar com uma frota de 270 ônibus na terça-feira (20), que é a mesma em circulação aos sábados.

Também serão reforçadas as linhas 5 (Laura/Paço), 11 (Orquídeas/Paço), 5B (Químicos/Paço) e 24 (Industrial/Baeta Neves), que costumam apresentar demanda maior em dias de evento, além da linha 53 (Selecta/Rudge Ramos), que passa próximo ao local dos shows. Nos outros dias, a operação será normal.

A Guarda Civil Municipal destacou 200 homens para trabalhar nos quatro dias de eventos, além de apoio da Polícia Militar e do Samu. Haverá revista da PM para entrar no espaço do evento.

 
Shows pelos 460 anos de SBC acontecerão em espaço de eventos atrás do Ginásio Poliesportivo.

O espaço de eventos atrás do Ginásio Poliesportivo será o palco dos shows de aniversário em comemoração aos 460 anos de São Bernardo do Campo. O local proporciona conforto e segurança para os artistas e munícipes que vão curtir a festa.

No dia 17, a partir das 11h20, o som do rock pesado ficará por conta de bandas como Eyes of Beyond, Necromesis, Guillotine, Souldier, Woslom e o encerramento com o grupo Ação Direta.

No dia seguinte (18), a partir das 11h, é a vez dos fãs do rap curtirem a abertura com o o rapper Dexter e os shows de Yzalú, , Alquimistas, Ordem Própria, Tribunal Popular, Ndee Naldinho e, na sequência, o grupo Realidade Cruel.

Na segunda-feira, dia 19, a partir das 16h, o reggae vai invadir o estacionamento do Ginásio Poliesportivo com apresentações de Resistah, Sadamácula, Frutos de Resistência, Solano Jacob e o grande show com Mato Seco.

O último dia de festa (20), a partir das 11h, será de muito samba. Os shows ficam por conta das bandas Sorriso Negro, Di Momento, Art Bella, Sem Cerimônia e o encerramento com o grande show da Turma do Pagode. 

O Ginásio Poliesportivo fica na Avenida Kennedy, 1.155, no Bairro Anchieta.

 

Transporte e segurança - Para melhor atender os usuários de ônibus, a Empresa de Transporte Coletivo de São Bernardo do Campo (ETC) vai operar com uma frota de 270 ônibus na terça-feira (20), que é a mesma em circulação aos sábados.

Também serão reforçadas as linhas 5 (Laura/Paço), 11 (Orquídeas/Paço), 5B (Químicos/Paço) e 24 (Industrial/Baeta Neves), que costumam apresentar demanda maior em dias de evento, além da linha 53 (Selecta/Rudge Ramos), que passa próximo ao local dos shows. Nos outros dias, a operação será normal.

A Guarda Civil Municipal destacou 200 homens para trabalhar nos quatro dias de eventos, além de apoio da Polícia Militar e do Samu. Haverá revista da PM para entrar no evento.

 
 



 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Todos os direitos autorais ,textos, imagens , obras ou criações de qualquer natureza disponibilizadas neste site, pertencem à www.riachogrande.net ou a terceiros que autorizaram o uso de sua propriedade intelectual e de imagens.
Sendo assim, é terminantemente vedada a distribuição, representação, publicação, uso comercial e/ou utilização de tais materiais, no todo ou em parte, sem a citação da fonte utilizada.
A violação destes direitos é crime, e seu infrator está sujeito às penalidades legais previstas nas Leis 9.610/98 e 9.279/96 e no art. 184 do Código Penal Brasileiro, bem como ao pagamento de indenização pelos prejuízos causados.